Streamers de todos tipos

Saudações, gamers! Como vão? 

Já fizemos um post sobre os 10 maiores streamers do Brasil, mas hoje vamos abordar um outro lado do universo streaming: a sua diversidade. Apresentaremos alguns streamers que não foram listados naquele outro post, agora mostrando streamers mais jovens, velhos, mulheres e muito mais. 

A começar pelo lado girl power, vamos citar aqui alguns nomes populares do meio. Durante muito tempo as pessoas pensavam que videogame é coisa de garoto, mas o consumo de games do público feminino só tem aumentado com os anos. Segundo a Pesquisa Game Brasil 2020, o público feminino já é maioria no cenário gamer, especialmente se levarmos em conta o público gamer casual, que joga por diversão, e gostam mais de jogar em smartphones, por isso nossa lista terá algumas streamers que jogam games como Free Fire, Call of Duty Mobile e afins. 

Nyvi Estephan: 

Uma das mais importantes apresentadoras de games e e-sports da América Latina, Nyvi Estephan ganhou esse título pelo próprio eSports Awards 2019. Desde 2013 a designer de moda já começava sua carreira como apresentadora nos eventos de games, trabalhando em diversos campeonatos e festivais de jogos, como o CBLOL, Copa América de Heroes of the Storm e muitos mais. Extremamente carismática, Nyvi também faz suas lives no Facebook Gaming onde joga diversos jogos, além de possuir um canal no youtube com mais de 400 mil inscritos e 2 milhões de seguidores no Instagram.

 

Foto: reprodução/Instagram.
Malena: 

Gamer raíz! Malena tem seu canal no Youtube há 8 anos, mas depois de muito batalhar chegou aos seus 6 milhões de inscritos! Focada na produção de conteúdo, com vlogs e games, Malena é também streamer pela plataforma do Facebook Gaming, onde ela possui 600 mil seguidores, lá ela faz streaming todos os dias, de segunda a sexta, pela parte da tarde/noite. Conquistando seu público com seu humor e meiguice, certamente é uma das mais influentes streamers do cenário, não à toa, ela chegou mesmo a lançar um livro em 2016, o “Fala aí, Malena”, onde ela fala sobre a vida dela, da infância até seus 20 anos, de forma descontraída e bem-humorada. 

A streamer Malena Nunes representará o Brasil em uma campanha global da plataforma!! – Stiles Gaming
Foto: Reprodução/Instagram.
Maethe:

Super amigável e atenciosa, Maethe tem seus 25 anos e já pensou em fazer Gastronomia, estudou Arquitetura, depois Veterinária, mas trabalha mesmo com games! É streamer da Twitch TV e conta com 270 mil seguidores, e seu canal no Youtube possui mais de 200 mil inscritos. Enquanto na Twitch TV ela faz suas streams de jogos de todos os tipos, no Youtube há vídeos de gameplays e vlogs. 

 

Foto: Reprodução/Instagram.
Diana Zambrozuski:

Sempre empolgada, fazendo vídeos com muito humor, Diana Zambrozuski possui 24 anos, é gamer gaúcha, cosplayer, streamer e tem canal no youtube. No Instagram, possui mais de um milhão de seguidores, e na sua página de Facebook conta com 2 milhões de seguidores. Em seu canal de Youtube, a nossa querida ruiva tem mais de 500 mil inscritos e posta gameplays e vlogs. Já fez apresentações de eventos e entrevistas internacionais. Como parceira da Facebook Gaming, Diana faz lives todos os dias, de jogos diversos. E vamos aproveitar aqui para falar da irmã da Diana, Gabriela Zambrozuski, que é também streamer pela BOOYAH, tem 1 milhão de seguidores no Instagram. A paixão pelos games é de sangue!

Foto: Reprodução/Instagram.
CherryGums:

Game & Business! A jovem carioca Nicole Merhy aparece em nosso post por ser uma verdadeira defensora da causa gamer no Brasil. CherryGums foi pro-player de Rainbow Six Siege, é empresária, CEO do time Black Dragons e chegou a ir ao Senado Federal para uma audiência sobre um projeto de lei que busca a regulamentação do e-sport no país. A Cherry já viajou para o exterior para participar de eventos sobre os direitos das mulheres na campanha #MyGameMyName, que combate o assédio que as mulheres sofrem em jogos online. E faz tudo isso enquanto nos entretém com as lives na Twitch TV e interage no Twitter, onde ela possui mais de 50 mil e 110 mil seguidores, respectivamente. Um exemplo de Girl Power!

Foto: Reprodução/Instagram.

Além dessas streamers, temos um exemplo de senhor da terceira idade: o Vovô Tibiano. Psicólogo de formação, com pós-graduações, mestrado e gaúcho, o Vovô Tibiano decidiu conhecer o clássico Tíbia em 1997, quando tratava um paciente que gostava do jogo de computador. Após anos jogando, atendendo a pedido de amigos, ele finalmente criou um canal na Twitch TV onde faz suas lives, e lá ele conta com seus mais de 20 mil seguidores para jogar diversos games e interagir com o público conversando sobre psicologia, jogos e muito mais, mostrando que não tem idade para se divertir com os games! 

E se existem pessoas mais velhas jogando, claro que entre a garotada isso também é um sucesso! É o caso do streamer de 5 anos, Pietrinn Gamer, que faz lives em seu canal do Youtube, onde possui 18 mil inscritos, e no Instagram possui mais de 25 mil seguidores. O garoto começou a aprender a ler nas lives, já que a pandemia do coronavírus atrapalhou seus estudos, mas ele se dedicou aos estudos e pode jogar seu Free Fire no tempo livre, e isso passou a ser uma fonte de renda para a família que passava por dificuldades financeiras – e outros casos assim já foram tratados noutro post [escrever post sobre ascensão social com games]. No momento, Pietrinn não deseja ingressar no cenário profissional de games, quer mesmo é ser um influencer, mudando a vida das pessoas, e isso fez com que o Bruno “Playhard”, líder da LOUD (time que Pietro adora), mandasse um recado especial para o Pietrin no Instagram. Bem legal esse reconhecimento, né?

Pietrinn é streamer de Free Fire e soma mais de 17 mil inscritos em seu canal no YouTube — Foto: Reprodução/Instagram
Foto: Reprodução/Instagram.

Com isso vimos que o mundo do streaming é grande demais para ser reservado apenas a alguns, ele é de todos e todas! E se vale para todo mundo, vale para você também! Se ficou a fim de começar sua vida de streamer depois deste post, saiba que a Potenza também pode te ajudar com isso, porque aqui oferecemos um curso especial para formar streamers profissionais, como todos esses que citamos acima. Você já viu que não importa seu gênero, idade ou classe social, para ser streamer e se divertir, basta querer. Então faça parte de nosso time, entre em contato com nossa aqui por aqui e assine nossa newsletter para não perder nenhuma novidade! Um forte abraço e até mais!

 

Papotenza #04: Produtor de evento e-sports

Fala, gamers! Como estão?

Em nosso último episódio do “Papotenza”, o podcast da PotenzaGG, um bate-papo descontraído sempre na presença de um convidado do meio gamer. E neste quarto episódio contamos com a presença de Matheus Marinho! Matheus Marinho,21, é produtor de eventos de e-sports e pôde nos contar os desafios e alegrias de seguir nessa área, contribuindo para o desenvolvendo do cenário gamer e competitivo nacional. A conversa contou com a apresentação de nossos queridos podcasters Bárbaro e Tani. Você pode assistir o episódio no Youtube e na Twitch TV.

Se quer ficar por dentro de tudo que a Potenza faz, nos siga no Instagram, Facebook e Twitter. Também temos vídeos no Youtube, todas às quartas, quintas e sábados!

Tenham um ótimo dia e até a próxima!

Os streamers mais famosos do Brasil!

­­­­Saudações, gamers! Como vão? Esperamos que bem!

Todos sabem que o universo dos games oferece milhares de opções de entretenimento, seja pelo próprio jogo com suas gameplays, feitas nas plataformas de streaming, como a Twitch TV ou o Youtube, seja como temas de notícias, ou até conversar num podcast. Fato é que os games estão por toda parte: nos dispositivos móveis, consoles e até nos esportes, mas você imaginava que ser gamer poderia ser uma profissão?

Hoje em dia temos uma profissão que tem tomado cada vez mais destaque: o streamer! Mas quem são esses e o que fazem? A resposta é o sonho de consumo de muitos de nós: os streamers fazem suas livestreams de jogos e são remunerados por isso! Olha que incrível!

No post de hoje vamos apresentar os 10 maiores streamers do Brasil! Eles são responsáveis por dar milhares de visualizações às plataformas de streaming enquanto interagem com os seguidores, e são muuuuitos seguidores! Então bora lá conhecer esses feras? 

  • Alan Ferreira, ou “ALANZOKA”:

Contando com mais de 2 milhões de seguidores, AlanZoka é um sucesso sem igual: suas lives na Twitch TV contam com mais de 200, 300, 700 mil visualizações! Além de ter um milhão de seguidores no Twitter e 5 milhões de inscritos no Youtube. O cara é uma máquina de produção de conteúdo (e memes!)

Alan Ferreira era apenas um sujeito qualquer, que se formou em Gastronomia, mas curtia jogar seus games, então decidiu abrir um canal no Youtube, fez seus vídeos de forma tímida até usar a FaceCam, que demonstra suas reações com jogos de terror, o que fez ele viralizar. Alanzoka está há pelo menos 8 anos no Youtube, portanto precisou se adaptar às mudanças da plataforma, do cenário de streaming e apostou também na Twitch TV quando viu o potencial que o site tinha. Hoje o Alan trabalha nas duas plataformas, consegue seu sustento e, principalmente, se diverte muito enquanto joga e brinca com os seguidores. Se você curte esse tipo de streamer, o Alan é um exemplo a ser seguido!

Alan Ferreira (@alanzoka) | Twitter

  • Gabriel Toledo, ou “FalleN”:

Ser humano inquieto, sempre querendo ir além, essa personalidade se aplica ao nosso querido FalleN! Gabriel Toledo viu que suas habilidades no Couter-Strike: Global Offensive (ou popularmente conhecido como CS:GO) eram boas demais para um jogar casual, então decidiu jogar sério e virou um pro-player, jogando em times e participando de torneios e campeonatos nacionais e mundiais. Não contente, ele decide usar seu canal de Youtube para ensinar aos seus mais de um milhão de inscritos! FalleN faz comentários sobre gameplays de campeonato, jogadores de times, também ensina táticas e muito mais sobre CS. Se você quer aprender sobre o game, o canal do FalleN é uma boa opção!

Gabriel Toledo (@FalleNCS) | Twitter

  • Fernando Noronha, ou “YoDa”:

O jovem Fernando Noronha, nosso “Yodinha”, entra na terceira posição graças aos seus um milhão de seguidores no Twitter e no Youtube. Mas Yoda é um streamer diferenciado, porque ele também é embaixador da Red Canids de League of Legends, jogo no qual Yoda foi um pro-player anos atrás, e ele ainda é empresário! Yoda soube extrair o melhor do universo de streamer para consolidar seu nome no mercado e criar sua própria marca e empresa, a “SehLoiro”, termo que surgiu justamente depois dele pintar o cabelo de loiro quando bateu seus 10 mil views, na época ele mal sabia o que conquistaria nos anos seguintes. Yoda chegou até mesmo a ganhar prêmios por ser esse grande e importante streamer.

A “SehLoiro” ainda tem um instituto chamado “YoGamers do Bem”, que é uma instituição sem fins lucrativos que apresenta o mundo dos games para jovens de escolas públicas do país, muito bacana, não?

quem é yoda lol

 

  • Alexandre Lima, ou “Titan”:

Alexandre Lima, jovem de 19 anos, residente de Manaus (AM), é considerado um dos melhores atletas da região norte do país, jogando para o time da Red Canids de League of Legends; ele conta com mais de 100 mil seguidores na Twitch TV e 46 mil seguidores no Instagram. Titan usa o Facebook Gaming para fazer suas lives, lá ele se apresenta e aprimora suas habilidades de streamer e gamer. 

Veja a Lista dos 10 Streamers mais Conhecidos do Brasil

  • Marcelo David, ou “Coldzera”:

Jogador profissional de CS:GO, com 24 anos de idade Marcelo David tem 266 mil inscritos no Youtube, 659 mil seguidores no Twitter e uma marca própria! Jogando com o time da Fazer Clan, Coldzera é muito presente nas redes sociais, o que ajuda a promover a sua imagem e sua marca, um verdadeiro marketeiro

Coldzera agora é da FaZe - Manual dos Games

  • Pedro Resende:

Pedro Resende é jogador profissional de FIFA pelo time do Inter (sim, aquele mesmo Inter que seu primo é um torcedor fanático), possui 11 mil seguidores no Twitter. 

FIFA 19: conheça os brasileiros que estão no Mundial deste ano | Atletas | TechTudo

 

  • Flávio Fernandes, ou “Jukes”:

Flávio Fernandes começou sua vida de streamer em 2014 e seu canal no Youtube nasceu logo em seguida, um ano depois. De lá para cá muita coisa aconteceu: jogando League of Legends, Jukes se tornou challenger, pro-player, trabalhou na maior streamer de games da América do Norte, a Cloud9. Mas diferente dos demais streamers, como o Yoda, FalleN e afins, o Jukes sempre focou na produção de conteúdo e menos no e-sports. Foi como produtor de conteúdo que Jukes atingiu seus 1 milhão de seguidores no Twitter e inscritos no Youtube, além de ter sido eleito pelo TechTudo como a 3ª personalidade mais seguida na Twitch TV e ser citado na música “Só um joguinho” do rapper Emicida, cantada na final da CBLOL de 2018.

LoL: Jukes é banido novamente da Twitch

 

  1. Guilherme Fonseca, ou “GuiFera”:

O GuiFera01 é um jogador profissional de PES pelo São Paulo Futebol Clube (SPFC), contando com 20 mil seguidores no Instagram. Suas lives são feitas no Instagram e no Facebook, e apesar de sua timidez, ele já é tetra campeão brasileiro e bicampeão mundial de PES. 

GuiFera, campeão mundial de PES, detona Felipe Melo após expulsão: “Cara mais otário do futebol brasileiro” | Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

 

  • Camila Silveira/ Camilotaxp: 

Muito ativa no Twitter, Camila Silveira fez sua formação em Teatro, deu aulas e por já estar acostumada a lidar com o público passou a ser apresentadora de eventos de e-sports, desenvolvendo gosto pelos games e hoje conta com um canal no Youtube com 200 mil inscritos e possui 1 milhão de seguidores no Instagram. No começo a Camilota sofreu muito com o machismo presente no meio gamer, mas a garota insistiu, agora é querida por milhares de pessoas, ao ponto de ter seu próprio campeonato de Free Fire, o CampLota! Garotas gamers marcando presença!

Camilota XP - YouTube

  •  Neto “Netenho” Cavalcante: 

Direto da Amazônia, Netenho é um streamer de muito sucesso, jogando PUBG, principalmente no Facebook Gaming, que é a plataforma onde ele conseguiu sua parceria. Os e-sports abriram um caminho para ele quando jogava profissionalmente Counter-Strike, mas ele conseguiu migrar sua carreira para os streamings, onde conseguiu maior sucesso. Conta hoje com 820 mil seguidores no Facebook Gaming, 928 mil inscritos no Youtube.

Netenho Cavalcante - Criadores iD

 

Pronto! Conseguimos listar os dez maiores streamers do país! Essa lista, cabe dizer, não foi criação totalmente nossa, é fruto de uma pesquisa feita por FD Comunicação  Mas e vocês, conhecem todos esses nomes de peso do streaming? Seguem eles e assistem suas lives? E por que não se tornar um streamer que nem esses nomes? A Potenza também oferece cursos para preparar e profissionalizar sua carreira de streamer, e você pode saber mais clicando aqui. E se gostou deste conteúdo, comenta aqui em baixo! Assine nossa newsletter para ficar por dentro de tudo que postarmos! Obrigado pela leitura e até a próxima!